O Enem Digital tem promovido muita curiosidade entre os participantes do exame.

O INEP e o MEC, confirmaram que o Enem Digital entrará em fase de teste esse ano, a fim de ser aplicado a longo prazo desta forma. Veja a seguir tudo sobre essa modalidade.

Publicidade

Página do Participante Encceja – Como acessar?

Todos poderão fazer o Enem Digital?

Por enquanto, o Enem Digital será aplicado apenas para 100 mil participantes de todos os estados brasileiros de teste. Mas o objetivo é desse número aumentar a cada ano, até os exames impressos serem substituídas pelos digitais.

Confira seguir os requisitos de participação:

  • Quem já concluiu o Ensino Médio em escola pública (na rede particular sendo bolsista), ou irão concluir no final de 2020;
  • Possuir renda familiar mensal de até três salários mínimos, ou estar em condição de vulnerabilidade socioeconômica;

No entanto, treineiros não poderão participar desse exame e nem os participantes que necessitam de algum atendimento especial no Enem digital esse ano.

Publicidade

Onde e como posso me inscrever no Enem Digital?

As inscrições do Enem deverão ser feitas diretamente na página do participante.

A taxa de participação continua a mesma nas duas opções, sendo assim o valor de 85 reais.

Os locais serão escolhidos e divulgados pelo INEP, onde terão a estrutura adequada para a realização do exame.

As inscrições referentes ao segundo semestre ocorrerão entre 20 a 30 de junho.

enem digital

Serão feitas duas provas?

O estudante deverá escolher uma das opções, ou seja, terão direito a fazer o Enem Digital os 100 primeiros estudantes prestes a escolherem essa modalidade.


O restante fará a prova impressa normalmente.

Quando serão aplicadas as modalidades das provas?

Devido as inúmeras mudanças, novas datas foram acrescentadas ao cronograma, tendo objetivo de reduzir aglomerações e garantir que mais pessoas participem do programa.

Sendo assim, haverá datas diferentes para as duas modalidades de prova: impressa e digital.

Confira a seguir as novas datas estipuladas especificamente de acordo com o cronograma:

  • 06/12 e 13/12 – Enem impresso;
  • 10/01 e 17/01 – Enem impresso e digital;
  • 24/01 e 31/01 – Enem digital;
  • 02/05 e 09/05 – Enem impresso;
  • 16/05 e 23/05 – Enem digital.

As provas digitais e impressas do Enem são diferentes?

Ambas seguem com o mesmo número de questões e distribuídas nas mesmas matérias. A diferença é de uma ser impressa, e a outra ser realizada no computador, com questões reformuladas.

Vale também ficar atento, pois ambas as modalidades contarão com datas diferentes de execução. Portanto fique atento as datas especuladas.

A redação também será escrita digitalmente no Enem Digital?

Mesmo sendo uma medida de teste, as redações continuam sendo escritas a mão. Sobretudo, os temas são diferentes na prova digital e escrita.

Porém nas duas formas os estudantes precisarão fazer a redação manualmente.

Como funcionarão os resultados?

Os resultados das provas da modalidade digital serão divulgados antes dos que fizeram a prova escrita, provavelmente no mês de março de 2021.

A intenção do Governo Federal, do INEP e do MEC é implantar o sistema 100% digital do Enem até 2026. Sendo assim reduzindo drasticamente a impressão em papel e os custos com a produção da prova.

Como fazer a inscrição para o Encceja 2020? Veja o Passo a Passo

Publicidade
[mautic type="tags" values="enem"]